Hidrogênio Verde e a necessidade de mais hidrelétricas no Brasil

O uso de hidrogênio verde vem sendo discutido nos últimos anos e está se tornando uma forte realidade em todo o mundo. Sua produção é realizada por meio de um processo chamado eletrólise da água, que ocorre da seguinte maneira:

Captação de Energia Renovável: é necessária uma fonte de energia renovável, como hídrica, solar ou eólica, para fornecer eletricidade ao processo de eletrólise. Essa etapa é crucial para garantir que o hidrogênio produzido seja considerado “verde” devido à sua origem sustentável.

Eletrólise da Água: a eletrólise é o processo no qual a água (H₂O) é dividida em hidrogênio (H₂) e oxigênio (O₂) usando eletricidade. Uma célula eletrolítica é utilizada para realizar esse processo. Essa célula possui dois eletrodos (ânodo e cátodo) imersos em água.

  • No cátodo, ocorre a redução da água: 2H₂O + 2e⁻ → H₂ + 2OH⁻
  • No ânodo, ocorre a oxidação da água: 4OH⁻ → O₂ + 2H₂O + 4e⁻

Separação e Armazenamento: o hidrogênio gasoso (H₂) é coletado no cátodo, enquanto o oxigênio gasoso (O₂) é liberado no ânodo. O hidrogênio resultante pode ser armazenado e utilizado conforme necessário.

O hidrogênio verde produzido dessa maneira pode ser utilizado em diversas aplicações, como combustível para veículos, matéria-prima na indústria química, ou mesmo na geração de energia elétrica em células de combustível.

A grande vantagem do hidrogênio verde está na sua produção livre de emissões de carbono, uma vez que a eletricidade utilizada no processo é proveniente de fontes renováveis. Isso o torna uma peça fundamental nas estratégias de transição para uma matriz energética mais limpa e sustentável.

A produção de hidrogênio verde no Brasil, visando atender à demanda nacional e internacional como parte da transição para fontes de energia mais limpas, impulsionará a necessidade de construção de mais hidrelétricas com reservatórios. Isso foi destacado em um seminário na sede de Itaipu, discutindo Inovação Tecnológica e Sustentabilidade Socioeconômica e Ambiental das Hidrelétricas. Alessandra Torres, presidente da Abrapch, argumenta que a produção contínua de hidrogênio verde demanda energia de base, sendo as hidrelétricas a opção ideal para cobrir a variabilidade das fontes eólica e solar, mantendo a certificação de “verde”.

Com as tecnologias atuais, a base para essa produção em larga escala se resume às opções hídricas ou térmicas, sendo que a térmica comprometeria a natureza sustentável do hidrogênio verde. Alessandra destaca o papel dos reservatórios no futuro, não apenas para a geração de energia, mas também para atender à demanda de água significativa no processo de produção do hidrogênio.

Existem ainda as preocupações em relação às alternativas, como eólicas offshore associadas à dessalinização, que se tornam caras e precisam de estudos sobre impactos na fauna marinha. Além disso, também existe a necessidade de avaliação ambiental da mineração de lítio para baterias de grande porte, que são mais apropriadas para soluções menores, como sistemas isolados de energia solar.

A perspectiva para o suprimento energético em um cenário de descarbonização urgente, visando conter as mudanças climáticas, exige um debate na sociedade brasileira para reverter a visão negativa das hidrelétricas. Algumas alternativas a se considerar são as hidrelétricas reversíveis de ciclo fechado de baixo impacto ambiental, mas os reservatórios convencionais continuarão sendo essenciais, não apenas para a geração de energia, mas também para o controle de fenômenos climáticos extremos cada vez mais frequentes no Brasil.  

A grande disponibilidade de ambientes propícios para a construção de PCHs e CGHs vai de encontro à necessidade crescente de energia limpa e sustentável de fontes hídricas, criando um cenário favorável para esse tipo de investimento nos próximos anos. 

 

Fonte: Revista Brasil Energia

 

Compartilhe esse post

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

Você também pode gostar de ler

Hidrogênio Verde e a necessidade de mais hidrelétricas no Brasil
O uso de hidrogênio verde vem sendo discutido nos últimos anos e está se tornando uma forte realidade em todo o mundo. Sua produção é realizada por meio de um processo chamado eletrólise da água, que ocorre da seguinte maneira: Captação de Energia Renovável: é necessária uma fonte de energia renovável, como hídrica, solar ou eólica, para fornecer eletricidade ao processo de eletrólise. Essa etapa é crucial para garantir que o hidrogênio produzido seja considerado “verde” devido à sua origem sustentável. Eletrólise da Água: a eletrólise é o processo no qual a água (H₂O) é dividida em hidrogênio (H₂) e...
Avanços do setor elétrico em 2023 e perspectivas para 2024
A evolução do mercado de energia é constante e os próximos anos prometem uma expansão da comercialização e produção elétrica.   Em 2023, o Brasil foi afetado por um “apagão” em algumas regiões do país, fato que demonstrou a importância das hidrelétricas para manutenção da estabilidade energética nacional em casos de crise. Além disso, o El Niño contribuiu com as reservas no Sul, mesmo causando secas no Norte e Nordeste. Com um sistema interligado, o Brasil conseguiu fechar 2023 com a estrutura energética atendendo a população de forma eficiente.   Perspectivas de impactos no setor elétrico nos próximos anos: Para...
Energia verde: papel das usinas hidrelétricas na geração de energia de baixo carbono
Energia Verde: o papel das usinas hidrelétricas na geração de energia de baixo carbono Em meio às crescentes preocupações com as mudanças climáticas e a busca por fontes de energia mais limpas e sustentáveis, as usinas hidrelétricas desempenham um papel vital na produção de energia de baixo carbono. O Brasil, com sua vasta extensão territorial e uma ampla rede de rios e bacias hidrográficas, se destaca como um exemplo notável no aproveitamento da energia hidrelétrica. Neste artigo, exploraremos o funcionamento e a importância das usinas hidrelétricas na promoção de uma matriz energética mais verde e sustentável.   Energia Hidrelétrica: um...

Aplicação para Vaga

Preencha o formulário abaixo para enviar seu currículo, não se esqueça de conferir os dados de contato, caso selecionado  entraremos em contato através deles